Pesquisar

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

2- O Começo


Nessa data em que escrevo tenho 38 anos. Descobri que tinha Doença de Crohn no final do ano 2000, mas os primeiros sintomas apareceram uns 6 meses antes. Comecei com cólicas seguidas de evacuações. E eram constantes...

No começo ia ao banheiro para evacuar umas 4 vezes ao dia. Marquei consulta mas pelo plano de saúde que eu tinha na época, só consegui para 1 mês depois. Logo na primeira me mandou fazer exames de sangue... voltei com o resultado. Como não havia nada conclusivo, pediu um exame chamado "enema opaco". Hoje já fiz muitos exames e posso dizer que esse foi o pior de todos!

No resultado também não havia muito coisa clara, fui fazer uma tomografia abdominal. Também nada. Passei para um outro gastroenterologista. Nada!

Fui em outro, que me pediu um exame chamado "trânsito do delgado". Esse exame sugeriu uma doença inflamatória. Esse médico então disse que seria melhor eu visitar um coloproctologista. Marquei, mas já tinham se passado 4 meses e minhas evacuações agora eram em torno de 8 a 10 vezes por dia!

Na consulta, a procto me explicou tudo detalhadamente, de cada exame que já tinha feito. E me pediu mais um para confirmar a doença e ela mesma faria em mim no hospital. Nunca antes havia sido tratada por um profissional da saúde com tanto zelo. Considero essa médica como uma anja que Deus me enviou.

Acho que todos os pacientes de Crohn (ou Retocolite) tiveram dificuldades quanto ao diagnóstico. Os sintomas sugerem várias enfermidades e os exames não afirmam nem apontam para uma doença específica. Existe a necessidade de exclusão pelos exames e análise minuciosa do exame físico e da anamnese.

A imagem acima é da minha primeira colonoscopia. É um exame importante e necessário para quem tem DII que consiste em um tubo flexível com uma câmera na extremidade, e que é inserido pelo ânus até o começo do íleo (intestino delgado). Com ele vê-se todo o trajeto do intestino percorrido. É o exame de controle indicado para quem tem retocolite e crohn, além do trânsito intestinal, que identifica fístulas e estenoses.

Ao longo do blog vamos esclarecendo alguns detalhes. Por isso é importante a sua participação deixando comentários e questões pertinentes a serem tratadas aqui.

Abraços a todos!

9 comentários:

fredericoasgomes disse...

Achei muito legal seu blog ou melhor nosso,já coloquei no meu favoritos,outro meio de compartilharmos nossas idéias e ajudar uns aos outros.

antsena disse...

Oi Leca,
Legal seu blogg. Com certeza vai ajudar muita gente. Pena que vc não foi consultar direto com o Dr. House. Seu caso daria um episódio legal, típico da série. Só mesmo um médico competente pra diagnosticar. Bjs.

Kátia Regina disse...

Eiii Maninha!!!!
Sem comentários...
Como já disse: VOCÊ É BRILHANTE!!!!
UMA MENTE QUE BRILHA!!!
AQUI...JÁ É SUCESSO!!!!
BEIJO!

Edgard Chagas disse...

Oi Leca!!
O Blog esta muito bom.. bem claro e com muita informaçao boa..
acredito que sera um começo de um sucesso!! e voce sabe, pode contar comigo ok?
Estamos ai...
Beijos e muito sucesso!!!

Spencer Ferreira disse...

Olá! Leca.
Maravilhosooo!!!
Gostei muitooo!!!
Tinha que ser o blog de uma Crohnada.
Vou adicionar ao meu favoritos.
Beijos.

Mary disse...

Oi querida... Maravilhoso seu blogg, estou encantada!!! Muito linda e gde a sua força, vc merece o sucesso!! Conte comigo para o que precisar... Parabéns!

Decepções disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
fcferlin disse...

Mulheres que brilham......Leca, você é uma das grandes....parabéns e felicidades.
Bjokas no seu coração.

Andréia disse...

Leca vc é uma guerreira!!
Seu blog esta maravilhoso,parabéns,contém muita informação para nós que somos portadores dessa doença e as vezes achamos que só nós temos problemas,já passei por várias situações,dores,cirurgias,mas confesso que me senti pequena perto do que você já passou e passa ainda.Também trabalho na àrea da saúde,sou aux.de enfermagem
tenho Crohn há 17 anos,vou deixar meu e-mail andreiadomichilli@hotmail.com
Força tudo vai melhorar
Bjim p/vc também